Oncologia,

Grupo de  Órbita e

                  Oculoplástica

Metástases da íris

 

Oncologia

 

Tumores intra-oculares

 

Metástase da íris

 

    As metastases da íris representam menos de 10% das metástases intra-oculares. As metástases mais frequentes provêm de carcinomas (adenocarcinoma da mama na mulher e adenocarcinoma do pulmão no homem), mas também podem provir de sarcomas e melanomas. As metástases da íris podem ser únicas ou múltiplas, formando nódulos brancos, amarelados ou rosados, pouco coesivos, no estroma da íris. Podem ser circunscritos, ou podem disseminar pela câmara anterior e dar aspecto endoftalmite ou de uveíte, com a formação de um pseudo-hipópion.

 

     Metástase da íris de adenocarcinoma do pulmão de um homem, e aspecto da ecografia de alta resolução (UBM).

 

     Metástase da íris de adenocarcinoma da mama, que ao reduzir de dimensões com a quimioterapia, traccionou e deformou a pupila (corectopia)

 

     Progressão de metástase da íris, em doente com disseminação sistémica de melanoma maligno cutâneo.

 

     Metástase da íris.

 

 

Tratamento dos tumores intra-oculares

 

                  Oncologia,

Grupo de  Órbita e

                  Oculoplástica

Metástases da íris